Assinada ordem de serviço do novo Núcleo de Educação Infantil do Bairro Municípios

Deve iniciar nos próximos dias a reforma e adequação do prédio que irá abrigar o novo Núcleo de Educação Infantil do Bairro dos Municípios, na Rua Angelina. O prefeito de Balneário Camboriú, Fabrício Oliveira, assinou na manhã desta terça-feira (10) a ordem de serviço para as obras. A nova creche vai atender 140 crianças do Jardim I e II, contemplando crianças de 4 e 5 anos. “Com mais esse novo Núcleo, damos sequência ao projeto de ampliação das vagas da Educação Infantil. Fecharemos 2017 com quase 700 vagas criadas, seja por meio da compra de vagas da rede particular, da criação de novas salas no NEI Vovô Alécio e no NEI Anjo da Guarda e da abertura do NEI do Bairro dos Municípios”, falou o prefeito, Fabrício Oliveira.

O novo núcleo do Bairro dos Municípios ficará no prédio da antiga unidade de saúde, ao lado do CAIC. A readequação do espaço municipal em uma creche garante economia ao município, além de agilidade já que não será necessária uma nova construção. “A ideia é justamente adequar o espaço físico para receber crianças de 4 e 5 anos. Para este núcleo, faremos o remanejamento de cerca de 50 crianças do Sementes do Amanhã e as demais serão chamadas da Fila Única. Com esse remanejamento, conseguiremos abrir no Sementes do Amanhã cerca de 50 vagas no Berçário, que serão convocadas da Fila Única”, explicou a secretária de Educação, Rosangela Percegona Borba.

O Bairro dos Municípios é a área oito da Fila Única, onde há maior demanda de vagas. “Essa iniciativa é muito importante porque o bairro é carente de vagas. E 140 vagas hoje desafoga bastante o sistema de creches da cidade”, falou a presidente da União das Associações de Moradores de Balneário Camboriú (UNIBAC), Lilian Paiva.

A reforma e alteração do prédio vai contemplar todas as adequações necessárias para receber as crianças, dentre elas parte elétrica, rede de telefonia e internet, pintura interna, instalação de rede de ar-condicionado e de ventilação mecânica, sistemas de gás e de prevenção de incêndio, revisão e conserto dos telhados e calhas, substituição das janelas, ajardinamento dentre outras adaptações necessárias para receber crianças.

“Foi um projeto bastante minucioso onde os engenheiros se reuniram com profissionais dos departamentos pedagógicos e de educação especial para ouvir as necessidades da obra, que é planejada para as crianças e atender suas especificidades”, contou a diretora do Departamento Infantil, Marilene Cardoso. “Os banheiros por exemplo, além de serem adaptados para crianças portadoras de deficiências, terão que ter cubas/pias e vasos sanitários infantis de acordo com a estatura da faixa etária das crianças. Além disso, elas terão lavatórios individuais para escovação dos dentes, o que trabalha o aprendizado e a autonomia das crianças. Em vez de muros, o núcleo terá telas de aproximadamente dois metros de altura que permitem que as crianças visualizem seu entorno, a comunidade, outro fator que contribui com o aprendizado”, exemplificou a diretora.

Próximo ao refeitório também foi planejada um espaço onde as professoras poderão criar áreas de brincadeira, interações e espaços temáticos planejados de forma intencional para diferentes aprendizados. O espaço poderá ser utilizado em dias de chuva, por exemplo, e sempre terá temas diferentes. A área do núcleo será separada do CAIC e do CEAC.